Romaria dos Seminaristas ao Santuário Estadual de Nossa Senhora da Piedade

Aula inaugural – IFTDJ (Instituto de Filosofia Dom João Resende Costa) PUC Minas
25/08/2017
Festa da Família 2017
04/09/2017

Nesse último sábado, 02 de setembro, de 2017 a convite do Seminário Coração Eucarístico de Jesus, da arquidiocese de Belo Horizonte, houve uma peregrinação ao Santuário estadual de Nossa Senhora da Piedade. O convite se estendeu às casas de formação que residem em Belo Horizonte onde os formandos, de diversas dioceses, residem e estudam em vista ao ministério presbiteral. O nosso seminário São José também fez questão de estar presente neste momento.

Além da presença de diversos seminaristas o evento também contou com a presença de alguns padres formadores das diversas casas de formação e do Bispo arquidiocesano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo. Dom Walmor, antes da subida em direção ao Santuário, enfatizou a importância daquele momento como oportunidade de nos fazermos mais próximos, de fortalecer a comunhão e a partilha. Lembrou também da oportunidade de contemplarmos a natureza ali presente, dom da graça de Deus, e em repetir os passos feitos pelo povo de Deus há 250 anos que, da mesma maneira, percorriam aquele caminho para rezar.

A peregrinação teve como tema a passagem da sagrada escritura presente no Evangelho de São Lucas (9, 23): “Quem quiser me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz de cada dia e siga-me”.  Nessa peregrinação fomos convidados a vivenciar a experiência que a Virgem Maria fez, ela que subiu com Jesus ao calvário.

Durante a caminha houve três paradas em que os seminaristas da arquidiocese de Belo Horizonte, das diferentes etapas de formação – propedêutico, filosofia, teologia – prepararam para o nosso momento de reflexão e oração.

A primeira parada, conduzida pelos seminaristas do propedêutico, nos convidou, iluminada pela sagrada escritura, presente no Evangelho de São Lucas (Lc 18, 18 – 30), a refletir sobre o responder ao chamado de Deus, e nos inquietou a meditar sobre a pergunta: O que temos feito para responder ao chamado?

A segunda parada, preparada pelos seminaristas da filosofia, nos convidou, iluminada pelas passagens da sagrada escritura, presente no Evangelho de São Lucas (Lc 9, 1 – 6; 24, 13 – 35), a refletir sobre a missão que nos é dada por Deus: de sermos anunciadores da boa nova e de servirmos aos irmãos. A reflexão nos levou a meditar sobre a nossa vida e vocação, sobre o medo, falta de fé e insegurança que muitas vezes nos impedem de estar juntos de Deus e assim contribuir para com o seu Reino. Por fim, nos fez lembrar que o Senhor caminha conosco e que fazemos parte da comunidade que caminha na alegria da ressurreição.

A terceira parada, orientada pelos seminaristas da teologia, nos convidou, iluminada pela passagem da sagrada escritura, presente no Evangelho de São Mateus (Mt 17, 1 – 8),  refletir sobre a contemplação espiritual que nos encaminha a assumir e a preparar-nos para o serviço na Santa Igreja, principalmente em nossas dioceses. E a assumir a experiência que nos molda ao nosso Senhor Jesus Cristo.

Ao chegar ao cume da serra nos encaminhamos para a gruta São José onde todos nós unidos adoramos a Nosso Senhor Jesus Cristo presente no Santíssimo Sacramento. Logo após nos consagramos à Nossa Senhora da Piedade, momento de oração conduzido por Dom Walmor, encerramos nossa manhã de peregrinação acolhidos no Recanto Monsenhor Domingos para almoçar, aos cuidados das Irmãs Auxiliares de Nossa Senhora da Piedade.

Todo esse encontro serviu para aproximar cada vez mais todos os seminaristas das diferentes casas de formação que estudam e se preparam juntos para se doarem a Cristo através da Santa Igreja Católica.

 

Fonte: Seminarista Marcos Motta

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.