Vestibular 2019 – PUC Minas
17/11/2018
Retiro da Teologia – 2018
18/11/2018

A casa de formação do Seminário São José, da diocese de Itabira-Cel. Fabriciano, viveu um momento forte de convivência, estudo, oração e partilha, no período de 15 a 18 deste mês.

Encontraram-se reunidos num espírito de discernimento vocacional os 8 jovens do curso de filosofia e os 5 do curso propedêutico, dos quais vários prestaram vestibular na PUC Minas, onde os seminaristas da diocese realizam seus cursos de Filosofia e Teologia, que correspondem à dimensão acadêmico/intelectual da formação inicial dos presbíteros.

A este grupo que já mora em Belo Horizonte, se juntou mais um perseverante grupo de 7 jovens que estão fazendo os encontros vocacionais e se encontram aptos para iniciar o ano propedêutico em janeiro de 2019, na casa de formação em Itabira.

Foram momentos fortes da graça de Deus vividos nas celebrações eucarísticas, na oração da liturgia das horas, à mesa de refeição, nos momentos de confraternização, nas conferências e partilhas.

Padre Francisco se responsabilizou da condução do encontro nas celebrações e conferências, enquanto os seminaristas se revezavam entre suas tarefas e o cuidado do transporte dos vocacionados, bem como dos vários momentos de refeição, lanches e hospedagem. A contribuição generosa de nossas auxiliares e amigas Renata e Adelaide aliviou muito as várias demandas de uma acolhida fraterna.

Reafirmo que foi um momento de graça. Pois, proporcionar aos jovens a oportunidade de estar com Jesus para o discernimento da vocação é uma resposta concreta à urgente evangelização da juventude à luz das orientações e clamores recentes da Igreja ao término do sínodo dos bispos cujo tema é o jovem, a fé é o discernimento vocacional.

Imploremos todos ao senhor da messe que envie sempre santos pastores para o cuidado de seu rebanho. Este momento de graça para os vocacionados ao seminário e para os seminaristas tornou-se mais fecundo por causa das orações de tantos irmãos e irmãs como o bispo Dom Marco Aurélio, vários padres, nossos familiares e, de modo especial, os formandos da teologia que, no mosteiro Nossa Senhora das Graças, também em Belo Horizonte, neste período, estavam em retiro e, juntamente com as monjas, intercederam por nós. “Caminhemos sempre com os olhos fixos no Senhor.

Francisco Neto Guerra – Reitor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.