Nota de agradecimento
06/09/2020
Tu me seduziste Senhor! 14 anos de vida presbiteral de padre Márcio Soares
30/09/2020

Este mês de setembro a Igreja nos recorda a importância da Bíblia em nossa vida. Através dos versículos bíblicos podemos encontrar as experiências do povo de Deus. A Bíblia nos aponta caminhos para a bem-aventurança, já as coisas terrenas não saciam por completo nossa busca pela felicidade. A nossa alma não acomoda enquanto não está em constante ligação com o seu Criador. É diante da Palavra que iremos encontrar a direção para realização de nossa existência humana.

Se pudéssemos resumir toda a mensagem bíblica em uma única palavra essa seria: amor. “Aquele que não ama não conhece a Deus, pois Deus é amor” (1 João 4,8). Sua Palavra inspirou os profetas para anunciar a Boa Nova da Salvação que se concretiza na pessoa de Cristo Nosso Senhor. Jesus não veio abolir a lei, mas dar a ela pleno significado.

Através dos escritos da Bíblia, Deus utiliza para se comunicar conosco. Ao ler as passagens bíblicas vamos refletindo segundo o diálogo de Deus com os homens, e de sua criatura para o Criador. Desta forma em nossas vidas, através da leitura e reflexão da Palavra, é que Deus vai falar conosco. A Sagrada Escritura é uma fonte de inspiração para nós cristãos. Toda a nossa fé é depositada na Palavra e na Sagrada Tradição no qual fundamenta seus ensinamentos. Sempre que quisermos crescer na fé ou comunicar profundamente com Deus devemos ler as Sagradas Escrituras. “E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o Senhor tem falado faremos e obedeceremos’’ (Êxodo 24,7). Ler a Bíblia é escutar a voz de Deus.

Uma vez que a Palavra do Pai se encarna, descortina-se para nós a vida missionária. Viemos em missão, mas não somos daqui, pois aguardamos o que foi prometido por Jesus: o novo céu e uma nova Terra. Portanto, para nós, o mundo não tem sentido sem o Cristo. Nele os nossos corações estão ancorados.

O Evangelho da Salvação nos aponta o caminho da verdadeira fidelidade a Deus, para ajudarmos na construção do seu reino de amor e de paz. Essa atitude nasce da intimidade com Deus e da observância aos seus mandamentos. Devemos contribuir para que todos conheçam esse amor. Ler a Palavra de Deus é estar perto do Pai que nos ama e nos educa.

Seminarista Pedro de Paula Ferreira, 2° ano de Filosofia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.