Os três céus de Maria
23/09/2021
Pregação e diaconia
14/10/2021

Inflamaste-me com o teu ardor
Com teu olhar, fogo devorador!
E enquanto tuas chamas me consumiam,
Logo os meus átrios por ti ardiam.

Mas, ao me iluminar o teu fulgor,
De súbito, me enxerguei pecador.
E disse: “vem, com tua brasa, e me extingas,
Que tuas chamas me reduzam a cinzas.”

Desesperado, eu fugi de ti
Pedi ajuda a um qualquer que vi
Perguntei: “como curar o meu mal!?”
E ouvi que a ausência era cura pra tal.

Mas ausente vi que é a tua presença que me sustenta:
Que quanto mais me afasto de ti, mas meu amor aumenta!

Seminarista Wellington Rosa de Souza, 3° ano de Filosofia.


Notice: Trying to access array offset on value of type null in /home/seminari/public_html/wp-content/themes/betheme/includes/content-single.php on line 286
Pedro de Paula Ferreira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.